Após o atentado em Nice, aumentaram as preocupações em relação a segurança nos jogos olímpicos. Em meio a promessas de reforçar a segurança, a revista de público e de bolsas na entrada das arenas ficará a cargo de empresa sem experiência no ramo.

A Secretaria Extraordinária de Grandes Eventos, contratou no último dia 1°, pelo custo de R$ 17,3 milhões, a empresa Artel Recursos Humanos, que será responsável pela mão de obra que controlará o acesso do público, bagagens e cargas nas instalações.

Faltando apenas 17 dias para o início dos jogos, a empresa de Santa Catarina ainda seleciona pessoas para trabalhar no evento.

Se gostou, compartilhe...Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.