Mustafá Rosemberg-Expressão Poética

Lua que delicia sempre a todos fascina,

Enorme pedra de fogo que surpreende,

No horizonte sai do mar sem dobrar esquina

Vai aos píncaros mais livres e até se estende.

 

Com luminosidade intensa expôs á sina,

Na crendice do povo, da gente que entende,

Ser ela que decide e nos quartos assina

Ordens para o juízo que ovário entende.

 

Oh! Lua fabulosa até amor ao luar,

Na larga esteira que debuxas no oceano

Está o leito mais novo para se amar.

 

Enormes emoções cobrem os meus desejos,

Deitado em rastro de luar sem desengano,

Vejo que ela vem linda para mais ensejos.

 

Se gostou, compartilhe...Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.