O Comitê de Governança da Fortaleza do Morro de São Paulo, criado há quase um ano e constituído pelo Iphan, IPAC, Ides, BNDES, Prefeitura de Cairu, Fundação Palmares, Sebrae, ACEC, Setur, Secult, Setre, Amosp e AME, esteve reunido em momentos distintos entre os dias 13 e 14 tendo como objetivo avaliar e compartilhar resultados sobre o projeto de revitalização do patrimônio histórico-cultural, que entra em sua reta final, tendo a inauguração prevista para o mês de maio.

As diversas atividades realizadas nesses dois dias de trabalho compreenderam visita ao canteiro de obras, encontros para apresentação do plano de negócios e do projeto museográfico, mapeamento das peças históricas, bem como apresentação de planilhas dos diversos grupos de ação. Para a presidente do IPHAN, Kátia Bogéa, o modelo de governança implantado no Morro de São Paulo é um exemplo a ser seguido. “O IPHAN não tem condições de fazer nada sozinho, assim como o governo do estado e as prefeituras. Só dá certo se todos estiverem juntos. O caminho é a governança. É difícil, dá trabalho, mas não tem outra saída. Caso contrário, os projetos se iniciam muito bonitos, gasta-se muito dinheiro, mas depois não andam”.

IMG-20170215-WA0036

Após a revitalização, ao chegar no Morro de São Paulo, o visitante vai se deparar com um roteiro que visa percorrer os 680 metros de muralha até o forte, com painéis expositivos contextualizando o processo de restauro e a história do local; já no centro haverá sala de reuniões, anfiteatro com 240 lugares, espaço para eventos, café-cultural e uma loja criativa. A proposta é que um calendário de eventos agregue a diversidade de grupos culturais de todo o Baixo Sul.

IMG-20170215-WA0037

Participaram das atividades, promovidas pelo IDES e coordenadas pela diretora executiva Liliana Leite, o secretário estadual do Turismo José Alves, o diretor do IPAC Roberto Pelegrino, a presidente do Iphan Kátia Bogéa, o superintendente do Iphan na Bahia Bruno Tavares, Carolina Pitangui da Fundação Palmares, Marcelo Goldenstein representando o BNDES, o assessor de relações institucionais da Marinha Flávio Almeida, o prefeito de Valença Ricardo Moura, o empresário Luiz Mendonça, além de diversos membros da sociedade civil. A gestão municipal de Cairu esteve representada no encontro pela secretária da Cultura Graça Peleteiro e pelo secretário do Turismo Edson Caporazzo (membros permanentes do Comitê de Governança) e ainda pelos secretários da Administração Ricardo Palma, Especial do Morro Joélia Carvalho, Infraestrutura Benedito Passos e Desenvolvimento Sustentável Fabiana Pacheco.

Ascom/Cairu-BA

Se gostou, compartilhe...Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.