Apresentações acontecem de 15 a 18/02, no Centro de Cultura Adonias Filho

A cidade de Itabuna será o palco de estreia na segunda edição do Polo Teatral – Festival de Teatro do Interior da Bahia. Entre os dias 15 e 18 de fevereiro, o Centro de Cultura Adonias Filho abrirá as cortinas para a programação do evento, que contará com apresentação de espetáculos, roda de conversa e mesa redonda. Em parceria com o Prêmio Braskem de Teatro, a iniciativa tem como proposta fomentar a produção teatral em municípios do interior baiano. Após temporada em Itabuna, o projeto segue para a cidade de Juazeiro, de 08 a 11 de março.

No dia 15 de fevereiro, às 16h, o espetáculo Trovinhas Na(f)talinas abre as apresentações do Festival na região do Baixo Sul. A montagem do Coletivo Ciganas Cigarras e Cirandas, de Jequié, traz no enredo uma série de versos estendidos num cordel, um varal, no qual lavadeiras misturam suas lembranças de infância e a memória de rimas e versos.  No mesmo dia, às 20h, a peça O Santo e a Porca apresenta ao público um roteiro adaptado da obra de Ariano Suassuna, uma trama que conta a história de um velho avarento, numa comédia de três atos. Na quinta-feira (16), haverá reapresentação dos dois espetáculos, nos mesmos horários.

Nos dias 17 e 18 de fevereiro, às 16h, sob ao palco o espetáculo As Lendas do Velho Chico , um trabalho da Cia. de Teatro Mistura de Ibotirama, que retrata os contos, histórias, causos e lendas de Ibotirama e outras cidades ribeirinhas que são banhadas pelo Rio São Francisco. Às 20h, será a vez da Cia OperaKata encenar o espetáculo Pariré. De forma poética e bem humorada, a história vivida entre duas mulheres traz para a cena aquilo que já é constituído, estabelecido não pela relação do encontro entre indivíduos em si, mas pela construção de um jogo de projeções e expectativas. Os ingressos para os espetáculos custam R$4,00 (inteira) e R$2,00 (Meia).

Para promover uma discussão sobre o mercado cultural, o 2º Polo Teatral promoverá, no dia 15/02, às 14h, uma Roda de Conversa com o tema Profissionalização e Mercado. Já no dia 16, também às 14h, haverá uma Mesa Redonda sobre Política Cultural para as Artes. As oficinas são gratuitas e os interessados deverão inscrever-se através do e-mail oficinas@poloteatral.com.br. As vagas são limitadas.

O 2º Polo Teatral – Festival de Teatro do Interior da Bahia tem o patrocínio da Braskem através da Lei Federal de Incentivo à Cultura, e realização da Polo Cultural e Ministério da Cultura – Governo Federal. A curadoria do projeto é do ator, diretor e artista visual Fernando Marinho. A comissão avaliadora, responsável pela seleção das peças, tem como membros a atriz Cristiane Mendonça, a atriz, diretora e produtora cultural Vadinha Moura e a atriz e produtora Alethea Novaes. Dentre as 12 montagens selecionadas para integrar a programação do Festival, as cinco melhores serão indicadas ao Prêmio Braskem de Teatro, onde disputarão na categoria Espetáculo do Interior. 

Com uma trajetória marcada por atuações em premiadas montagens como “Cuida bem de mim”, de Luiz Marfuz (1997/98), “Hamlet”, de Shakespeare – (2005/2006) e a “A bela e a fera” (1996), com direção de Deolindo Checcucci, a atriz Alethea Novaes destacou a qualidade da produção teatral do interior baiano. “A qualidade das produções, a diversidade estética, a diversidade da temática dos espetáculos realizados também é de grande relevância, e aborda de uma forma muito rica a vida, não só de cada região do interior da Bahia, mas retrata o Brasil. Vejo essa qualidade e relevância na grande maioria dos espetáculos inscritos, e os 12 contemplados vão representar muito bem a qualidade e diversidade do teatro produzido em cada região do interior Baiano”, relata Alethea Novaes.

Polo Teatral – Lançada em 2015, a primeira edição do Festival de Teatro do Interior da Bahia foi realizada nas cidades de Camaçari e Dias D’Ávila. Doze espetáculos foram escolhidos por uma Comissão de Seleção composta por três integrantes de reconhecido mérito nas artes cênicas. As cinco melhores montagens indicadas ao Prêmio Braskem de Teatro, na categoria especial Espetáculo do Interior da Bahia, foram Algaravias – O Marujeiro da Lua (Jequié), Exu, a Boca do Universo (Alagoinhas), Gonzaga – Do nascente à Foz (Paulo Afonso), Maria Minhoca (Feira de Santana) e O Circo Soleinildo (Vitória da Conquista). Algaravias – O Marujeiro da Lua conquistou o prêmio da categoria. Além de apresentações gratuitas, o evento também promove mesas redondas e oficinas.

 

 

 

SERVIÇO

O quê: 2º Polo Teatral – Festival de Teatro do Interior da Bahia

Quando: De 15 a 18 de fevereiro

Onde: Centro de Cultura Adonias Filho

Programação:

Quarta (15/02) / Quinta (16/02)

16h – Espetáculo “Trovinhas Na(f)talinas”

20h – Espetáculo “O Santo e a Porca”

Sexta (17/02) / Sábado (18/02)

16h – Espetáculo “As Lendas do Velho Chico”

20h – Espetáculo “Pariré”

Ingressos: R$4,00 (inteira) e R$2,00 (Meia).

OFICINAS

Quarta (15/02) – 14h – Roda de Conversa: Profissionalização e Mercado

Sexta (16/02)  – 14h – Mesa Redonda: Política Cultural para as Artes

Inscrição gratuita por email: oficinas@poloteatral.com.br

Mais informações: www.poloteatral.com.br/

 

Se gostou, compartilhe...Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.